A imagem do Ubuntu corre perigo

Uma das maiores frustrações minhas em usar o Ubuntu, foi o "friends-app". O aplicativo é usado para acessar redes sociais, pra quem gosta de dispensar o navegador para isso. Depois de usar seu antecessor e notar sua lentidão em receber novos dados, acabei percebendo que esse possui os mesmos problemas.

Lentidão, falhas constantes ao receber dados e em enviar mensagens e o pior, sem mostrar mensagem de falha. O friends-app acabou se tornando um grande problema. Para lidar com ele, eu decidir abrir usando o console, apenas digitando o comando. O console consegue mostrar as mensagem necessárias, se o envio foi bem sucedido ou não e outros.

[ATUALIZAÇÃO 29 DE AGOSTO DE 2015] 

Vocês devem desconsiderar a crítica ao aplicativo friends-app que eu fiz nesse artigo. O problema é causado pela resolução de tela do Ubuntu. Se a configuração da resolução de tela estiver errada, muitos aplicativos do Ubuntu não funcionam ou deixam de funcionar corretamente. Muito dos problemas no app foi resolvido quando eu resolvi o problema de resolução no Ubuntu.


É muito grave o que está acontecendo no Ubuntu, o fato do Windows 10 ser o mesmo no dispositivo móvel e nas estações de trabalho é reveladora. O Ubuntu exibiu essa funcionalidade várias vezes e ainda não colocou em prática. Lembrando que o carro chefe de um sistema operacional é as ferramentas de programação usadas e o "friends-app" utiliza essas ferramentas (QML e QT), esses problemas podem sujar a imagem do Ubuntu SDK. A Microsoft vem demonstrando com suas páginas .aspx (asp.NET), grande qualidade em desenvolvimento.

Resta a empresa vontade de se aperfeiçoar, perceber que há funcionários que não estão muito interessados no crescimento de uma empresa na África. Não posso dizer que as falhas do friends-app são bobagens, porque são muito ridículas. São falhas quem não apareceriam em softwares de 5 anos atrás. A China adotou o Ubuntu, mas já declarou que irá desenvolver seu próprio sistema operacional assim como a Rússia. Isso deveria servir como um aviso de que se não acertar, ficará para trás.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas